Os portões de Ahn’Qiraj

by luizcsilva on 23 de março de 2017

Geologista Larksbane em Silithus:

“Em uma época antes do tempo, quando o mundo ainda estava em sua infância, uma batalha entre um Titã e um ser de mal e poder inimagináveis assolou essas terras. A profecia não é clara se o Titã foi vencido ou não nessa batalha, mas ela mostra que um titã caiu. Um deus antigo também caiu – ou foi o que achavam os antigos.

 

A terra da luz das estrelas eternas, Kalimdor, foi a mãe educadora de todas as suas criaturas. A magica da Nascente da Eternidade permeou e deu poder a variedade de fauna e flora que fizeram do mundo o seu lar. Desse éter mágico surgiram os silithid. Imaginava-se que, através dos silithid, o deus antigo reprodutor alcançaria e tentaria afundar o mundo que uma vez acolheu seu domínio implacável.

O Deus Antigo criaria avatares a partir dos silithid em sua própria imagem. Esses avatares eram conhecidos como os Qiraj. Sagazes e com propósito, os Qiraji nomearam seu criador: C’Thun nasceu… Por milhares de anos os Qiraj trabalharam fervorosamente em construir uma força capaz de devastar o mundo que viria a trair o seu Deus. Sua grande fortaleza de Ahn’Qiraj foi criada para abrigar seus exércitos crescentes e se prepararem para a vinda de C’Thun. Isso não pode estar certo. Um Deus Antigo nunca poderia ser permitido nesse mundo. Os resultados seriam… Oh Deus!

Profeta Skeram | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

E tem mais. O momento que C’Thun esperou tão pacientemente chegou. Seus filhos passaram milhares de anos construindo um exército capaz de exercer sua vingança sobre toda Kalimdor e agora seu prêmio estava ao seu alcance.

Os Titãs desocuparam esse mundo por um longo tempo. Somente os Elfos Noturnos, que uma vez habitaram essa área, estavam aqui para defendê-la. Um Qiraji poderoso conhecido como General Rajaxx comandaria a incursão inicial em Silithus. Somente um o enfrentaria: Um Elfo Noturno conhecido como Staghelm. Eles se referem a ele como Khar’sis ou “mão da terra” na língua nativa dos Qiraji.

Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Staghelm e seus exércitos estavam claramente oprimidos enquanto o fluxo interminável das tropas de General Rajaxx brotaram em Silithus. Mas parecia que Staghelm, no entanto, era mais do que simplesmente um incomodo para os Qiraji. Sob a bandeira de Staghelm, todo o exército dos Elfos Noturnos se juntaram para proteger Kalimdor, segurando fortemente as forças dos Qiraji no campo de batalha.

Infelizmente, a densidade os Elfos Noturnos era insustentável e General Rajaxx sabia que eles não podiam segurar suas linhas por muito mais tempo. A sua tenacidade, no entanto, estava causando grande frustração para o seu rei.

Imperador Vek’nilash e Imperador Vek’lor, conhecidos como os imperadores gêmeos de Ahn’Qiraj, assistiram a guerra do seu santuário dentro do templo. Os irmãos hábeis bolaram um plano para desmoralizar e dividir as forças de Staghelm. Valstann Staghelm serviu como a mão direita de Fandral. Um guerreiro orgulhoso e nobre, a dedicação e adoração ao seu pai eram obstinadas… e os imperadores gêmeos sentiram isso como uma fraqueza. Uma fraqueza que poderia ser explorada.

 

Imperador Vek'nilash | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Imperador Vek’nilash

Imperador Vek'lor | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Imperador Vek’lor

As forças Qiraji foram comandadas a voltar para a massa de seus números por baixo das areias do deserto. Um pequeno ataque foi ordenado sobre o vilarejo Ventosul enquanto as linhas de frente de Staghelm estavam ocupadas na batalha.

Valstann, ancioso para agradar seu pai, convenceu Fandral a ceder um pequeno batalhão para defender o vilarejo. Claro que com a batalha virando a seu favor, nenhum perigo haveria de ocorrer com seu filho amado. A armadilha foi implantada. Valstann foi capturado pelos Qiraji infiltrados e o vilarejo Ventosul foi obliterado. General Rajaxx, em pessoa, levou Valstann para as linhas de frente de batalha, onde – perante Staghelm e as forças Elfas Noturnas – executou brutalmente o jovem Elfo Noturno. A guerra continuou mas a força de vontade do grande líder foi exaurida. Toda Silithus foi engolida pelos silithid e seus hospedes Qiraji.

Southwind Village | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Os Elfos Noturnos foram empurrados de volta até a Cratera Un’Goro, para as bordas do deserto de Tanaris. Algo em Un’Goro preveniu que os Qiraji fossem capazes de tomar a terra. Eu não entendo bem essa palavra mas eu acredito que isso significa “Terra de Deus”. Tudo começou quando eles não conseguiram “tomar as Terras de Deus”.

Fascinante, isso coincide com as teorias de que Un’Goro foi o lar dos Titãs quando os mesmos habitavam Kalimdor. Talvez Aman’Thul em pessoa tomou conta das “Terras de Deus”. Em Tanaris, os Qiraji documentaram que encararam um dragão de bronze. Com certeza eles planejam invadir Kalimdor mais uma vez!”

Fandral Staghelm liderou o ataque, seu filho Valstann ao seu lado. Eles haviam escolhido o desfiladeiro para que seus flancos fossem protegidos contra o fluxo interminável de Silithids. Shiromar estava logo atrás da linha de frente, lançando magias tão rapidamente quanto suas energias permitiram. Eles haviam lutado seu caminho para a boca dodesfiladeiro, Fandral e Valstann acompanhados pela maioria dos sentinelas veteranos de batalha, detentores e sacerdotisas, com os druidas lançando curas e castando exaustivamente.

Parecia que, para cada conjunto maciço de Silithids destruído, centenas mais tomariam seu lugar. E então foi assim que ocorreu pelos próximos dias, desde que o rumor de que a incursão Silithid chegou a Fandral e ele decretou a chamada às armas.

Fandral Staghelm | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

A sacerdotisa Shiromar e seus companheiros tinham recuperado energia suficiente para invocar a graça de Elunesimultaneamente; agora eles assistiram como uma coluna de luz cegante obliterando o enxame,bloqueando o término do desfiladeiro.

Em seguida, um zumbido baixo encheu o ar. Um por um,  insetos voadores os Qiraji alados, voaram sobre a borda do desfiladeiro e para baixo, atacando os druidas nas posições de apoio.

Fandral  liderou a linha de frente do desfiladeiro nas areias abertas, passando por cima das pilhas de cadáveres dosSilitids. O ar estava vivo com as vibrações dos Qiraji, enquanto eles deram rasantes e cortaram com apêndices em forma de garras. Fandral pressionou a linha de frente para dar espaço para as fileiras de apoio se espalharem. Enquanto olhava para um cume a distância, Shiromar testemunhou enxames deQirajiligados à terra invadindo sobre a crista,como formigas que fervilham de uma colina. A monstruosidade gigantesca pesadamente à vista, balançando pernascom garras, pairando sobre tudo, gritando ordens para os soldados de insetos. Entre a vibração e zumbido dosenxames, um som parecia repetir na presença do guerreiro comandante: Rajaxx, Rajaxx… embora Shiromar não entendesse comunicações doQirajis, ela imaginou se isso poderia ser o nome da criatura.
Enquanto a próxima onda deQirajise aproximava, uma grande trombeta soou: de leste a oeste, multidões de elfos da noite avançaram para o campo. Com um grito de gelar o sangue, Fandral e Valstann avançaram direto para o coração do enxame que se aproximava; os dois lados entraram em confronto e se misturaram uns aos outros como as forçasrecém-chegadas, esmagando em ambos os flancos.
Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore
Shiromar teve a certeza de que tinham ganhado; mas como as sombras creceram e logo o dia procedeu-se em noite, a batalha continuou. No centro da briga, Fandral, Valstann, e o general Qiraji enfrentaram-se em uma luta desesperadaComo Shiromar evitou vários ataques doQirajialado, olhou para onde o general lutou contra pai e filho.Os números doQirajiestavam diminuindo, e o general pareceu sentir isso, pois com um salto poderoso ele foi longe, de volta ao cume onde Fandral tinha visto ele antes. De lá, ele desapareceu e as poucas criaturas insetos remanescentesforam rapidamente erradicadas. As vigílias da noite foram definidas como as forças elfas noturnas descansaram. Fandralsabia que a ameaçaQirajinão havia sido totalmente exterminada, e ele esperou que a batalha começasse novamente, na manhã seguinte. Ao longo da noite, Shiromar dormiu apenas em intervalos breves, o barulho da batalhaainda soando em seus ouvidos, embora o deserto ao redor permanecesse quieto.
Com o dia nascendo, enquanto as tropas reformaram as linhas e avançaram para o cume, eles foram recebidos por um silêncio assustador. Shiromar esquadrinhou o horizonte, mas os Qiraji e os Silitids não podiam ser vistos em lugar algumEnquanto Fandral preparava-se para seguir em frente, um mensageiro chegou com uma notícia terrível: a cidade de Southwind estava sob ataque. Fandral considerou chamar as tropas de volta para defender a aldeia, mas ele sentiu que tal ação deixaria uma porta aberta para a invasão do restante dosQiraji. Eles ainda não tinham idéia dos números de insetos, ou mesmo se eles tinham visto tudo o que esta nova raça tinha para jogar neles.
Valstann, adivinhando corretamente os pensamentos de seu pai, se ofereceu para liderar um destacamento para a aldeiapara que Fandral pudesse permanecer e fornecer contenção inimigaEstando perto, Shiromar ouviu o resto da conversa:
Poderia ser uma armadilha.Fandral disse.
“Certamente não podemos correr esse risco pai.Valstann respondeu. “Eu vou. Vou defender a cidade e eu vou voltarvitorioso, defendendo a honra de seu nome.”
Relutantemente, Fandral assentiu. “Só volte vivo e eu ficarei mais do que satisfeito.”
Valstann reuniu um destacamento e Fandral viu seu filho partir. Shiromar preocupou-se já que suas forças foram divididas, mas ela entendeu a necessidade da ação.

Pelos próximos dias Shiromar e os outros lutaram onda após onda de Silitideos saindo de suas colmeias espalhadas por toda a terra. Ainda assim, o Qiraji permaneceu invisível. A sensação de pavor começou a tomar conta da pele deShiromar; ela sentiu um mau presságio, já que os mestres Silitids não tinham aparecido por um bom tempo. Ela se preocupava com o destino de Valstann, e em vários pontos ao longo de cada dia, durante calmarias no abate contínuo,ela espiou Fandral em silêncio olhando para trás por cima do horizonte, antecipando ansiosamente retorno de seu filho.

Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

No terceiro dia, enquanto o sol do meio-dia atingiu o seu apogeu, os Qiraji apareceram, seus números reforçados. Mais uma vez o zumbido das asas dos insetos agitou o ar; mais uma vez multidões intermináveis ​​desceram da borda dohorizonte. Eles se espalharam perante Fandral como uma sombra projetada por uma gigantesca nuvem que obscureceuo sol e parou.
E esperou…
Fandral formou suas linhas e ficou à frente das fileiras, como corvos tormentosos circulavam acima e druidas em forma de urso ciscavam a sujeira em antecipação, todos observando atentamente. Momentos depois, um oceano de insetos se separou, e a forma gigantesca do general Qiraji se aproximou, carregando uma figura ferida em seu apêndice de garras. Ele procedeu-se à frente das linhas Qiraji e segurou Valstann Staghelm no alto para que todos pudessem ver.
Suspiros se espalharam por toda tropa. Shiromar sentiu seu coração afundar. Fandral ficou mudo, sabendo que Southwind tinha caído, e temendo que seu filho poderia já estar morto. Amaldiçoou-se por permitir que o menino saísse e se levantou, congelado por uma mistura de medo, raiva e desespero.

De dentro de garra do general, Valstann agitou-se e falou para o pai, embora ele estava muito longe para ser ouvido.

Imediatamente o feitiço que tinha caído sobre Fandral quebrou e ele avançou com tudo, seguido pelas forças elfas noturnas, mas a distância era grande e mesmo antes de o general Qiraji agir , Shiromar sabia que eles não podiamchegar a Valstann a tempo.

O general Qiraji fixa sua segunda garra no corpo ensaguentado de Valstann , e com as duas garras ele apertou… edestrinchou, separando corpo do jovem elfo noturno na altura da cintura.

Fandral parou, vacilou e caiu de joelhos, os elfos da noite estupefatos ao seu redor. Enquanto as duas forças, finalmente, entraram em confronto, uma tempestade de areia correu do leste, bloqueando toda a luz, sufocando, tirando o fôlego. Shiromar sentiu os ventos tão fortes que seus movimentos chegaram a quase a um impasse. Ela bloqueou seus olhos o melhor que podia, o vento uivando esbofeteando seus ouvidos, abafando os sons da batalha eos gritos de seus companheiros morrendo.
Por meio do caos ela vislumbrou uma penumbra, a sombra gigante do general Qiraji não muito longe, cortando e fatiando através de linhas de elfos da noite, como um ceifador. Então ela ouviu Fandral, com sua voz fantasmagóricaem meio à tempestade, ordenando a retirada do exército.

Muito do que se seguiu parecia acontecer muito rapidamente, embora, de fato, levaram dias: Fandral conduziu suas forças de Silithus através das passagens de montanha e para a Cratera Un’GoroCratera Un’Goro, as legiões de silithids eqirajis não estavam muito longe atrás, consumindo os que ficaram um pouco além da proteção da força primária.

Uma vez dentro de Un’Goro, no entanto, uma coisa estranha aconteceu: uma notícia se espalhou ao longo das fileirasque os qiraji tinham batido em retirada, assim como as forças tinham passado através da borda da cratera. O GrandeDruida reuniu as tropas restantes no centro da cratera e deu a ordem para se prepararem. Por fim, um período de calmaria veio aos combates, fugindo e morrendo. Mas os elfos da noite haviam sofrido uma amarga derrota, e o comportamento de Fandral Staghelm tinha mudado irrevogavelmente.

Shiromar vigiou enquanto Fandral montava guarda, olhando para fora a partir do cume da Pluma de Fogo, com vapor das aberturas vulcânicas subindo atrás dele, a lava laranja brilhava iluminando seu rosto, uma máscara que escondia a angústia mais profunda uma tristeza que só é conhecida dos pais que viveram mais que suas crianças.

Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

A retirada repentina do qiraji intrigou Shiromar. Quanto mais pensava no assunto, mais ela se lembrou das lendas em torno da cratera, os rumores de que havia sido construído na era primordial pelos próprios deuses. Talvez eles tomassem conta da terra. Talvez suas bênçãos ainda ungiam este lugar. Uma coisa, porém, era certa: se um plano nãofosse concebido para conter a maré da raça inseto… Kalimdor seria perdida, para sempre…

A Guerra das Areias Inconstantes continuou por muito tempo, agonizantes meses. Shiromar conseguiu sobreviverbatalha após batalha, mas os elfos da noite estavam sempre na defensiva, sempre em menor número, sempre sendo conduzidos de volta.

Desesperado, Fandral procurou a ajuda da indescritível revoada dracônica de bronze. Sua recusa inicial de interferir foi revertida quando os qiraji descaradamente atacaram as Cavernas do Tempo, na casa e província de Nozdormu, oAtemporal.
Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Herdeiro de Nozdormu, Anachronos, concordou em recrutar a revoada de bronze contra os saqueadores qiraji. Cadaelfo da noite aderiu à causa e, juntos, eles forjaram uma campanha para retomar Silithus.

Mesmo com o poder dos dragões apoiando eles, no entanto, os números absolutos dos qiraji e silitídeo provaram-seesmagadores. E assim, Anachronos chamou a progênie das revoadas restantes: Merithra, filho de Ysera, da revoadaverde; Caelestrasz, filho de Alexstrasza, a Mãe da Vida, da revoada vermelha, e Arygos, filho de Malygos, da revoadaazul.

Os dragões e qiraji alados colidiram no céu sem nuvens acima de Silithus, enquanto o conjunto das forças elfas noturnas Kalimdorianas invadiram pelas areias. Mesmo assim, parecia que os números de qiraji e silithids eramintermináveis.

Shiromar depois ouviu rumores de que os dragões que voam acima da cidade antiga de onde os qiraji surgiram viram algo angustiante lá; algo que sugeria uma mais antiga, aterrorizante presença por trás do ataque da raça inseto.


Talvez tenha sido essa revelação que impulsionou os dragões e Fandral para criar seu plano final desesperado: para conter os qiraji dentro da cidade, para erguer uma barreira que iria confiná-los até que uma estratégia mais esperançosa poderia ser concebida.

Com o auxílio das quatro revoadas dracônicas, o impulso final para a cidade começou. Shiromar marchou atrás deFandral, enquanto os cadáveres dos qiraji alados caíram do céu. Bem acima, os dragões estavam fazendo um esforço mínimo contra os insetos soldados. Como um só, os elfos da noite e os dragões formaram uma parede que se movia epressionaram os qiraji de volta para a cidade de Ahn’Qiraj.

Mas, perto dos portões da cidade, a maré virou e com todas as forças combinadas, conseguiram manter a linha de frente. Para empurrar mais longe seria impossível. Merithra, Caelestrasz e Arygos decidiram empurrar para a cidade esegurar os qiraji  tempo suficiente para Anachronos, Fandral e os restantes druidas e sacerdotisas criarem a barreira mágica.

Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

E assim os três dragões e seus companheiros voaram de cabeça para as legiões qirajis, para a cidade onde esperavam que seu sacrifício não seria em vão.

Fora dos portões, Fandral chamou os druidas para concentrar as suas energias enquanto Anachronos convocou a barricada encantada. Além dos portões, a progênie de três dragões sucumbiu às forças avassaladoras enquanto os qirajisurgiram destruindo.

Shiromar concentrou suas energias e invocou a bênção de Elune, enquanto a barreira ergueu-se diante de seus olhos, rocha e pedra e raízes surgiram debaixo das areias emergentes para criar um muro impenetrável. Até os soldados aladosque tentaram sobrevoar a barreira esbarraram com uma obstrução invisível que não podiam passar.

Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Os qiraji que permaneceram fora do muro foram rapidamente mortos. Os cadáveres de qiraji, elfos da noite e dragõesenchiam as areias sangrentas.

Anachronos apontou para um escaravelho escavando abaixo de seus pés. Shiromar fitou a criatura e ela congelou,então achatou-se, transformando em um gongo metálico. Pedras deslocaram-se no lugar perto da parede, criando um estrado onde o gongo foi finalmente colocado.

Ahn’Qiraj | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

O grande dragão, em seguida, procedeu-se à um membro amputado de um de seus companheiros caídos. Ele segurou o apêndice e após uma série de encantamentos, o membro se transformou em forma de um cetro.

O dragão disse a Fandral que se qualquer mortal desejasse passar através da barreira mágica e acessar a cidade antiga, ele precisa apenas bater o cetro contra o gongo e os portões abririam. Ele, então, entregou o cetro para o Grande-Druida.

Fandral olhou para baixo, com o rosto torcendo por desacato. Eu não quero nada a ver com Silithus, o qiraji e menosainda com quaisquer dragões malditos!” Com isso Fandral balançou o objeto encantado nos portões mágicos onde foi estilhaçado em uma chuva de fragmentos e se afastou.

Será que você quer quebrar nosso vínculo por causa de orgulho?perguntou o dragão.

Fandral transformado. “A alma de meu filho não vai encontrar conforto nesta vitória vazia, dragão. Vou ter ele de volta.Embora leve milênios, vou ter meu filho de volta!” Fandral então passou por Shiromar… Quem podia vê-lo em sua mente, mesmo agora, como se fosse ontem e não passados mil anos.

What's your reaction?
Feliz
100%
Resenha dos Livros
Lore dos Personagens
Nathanos Blightcaller | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Nathanos Marris, o Blightcaller

Lâminas de Ébano | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

A Linhagem Fordragon

Dranosh Saurfang | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

E se o Bolvar Fordragon nunca se tornasse o Lich King?

Draeneis e Naarus | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Os Mistérios dos Draeneis e Naarus

Brigitte Abbendis | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Alta General Brigitte Abbendis

Draeneis Forjados na Luz | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Draeneis Forjados na Luz

Dranosh Saurfang | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

E se Dranosh Saurfang não Tivesse Morrido?

Proudmore | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Quem são os Proudmoores?

Curvas da Linha do Tempo de Crona

As Curvas da Linha do Tempo de Crona

Balnazzar | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Balnazzar

Translate »
%d blogueiros gostam disto: