As Histórias das Capitais – Stormwind

by luizcsilva on 31 de maio de 2016

Da magnífica Catedral da Luz, que serve como um importante eixo espiritual, até o inspirador Vale dos Heróis, que recorda os sacrifícios dos leais campeões, a grande capital de Ventobravo representa o valente coração da humanidade.

A maioria das raças em World of Warcraft possuem uma capital, onde grande parte da população de determinadas raças habitam. Na postagem de hoje iremos relatar a história da cidade Stormwind.

As capitais são tipicamente a sede principal de uma raça. Elas geralmente são as maiores cidades da facção, e o local onde os líderes de cada raça residem.

Stormwind (Ventobravo) é a capital dos Humanos, sendo localizada ao norte das Florestas de Elwynn, nos Reinos do Leste. O líder residente na capital de Ventobravo é o Rei Varian Wrynn.

 

‘Nenhuma outra cidade capital de Azeroth demonstra melhor a determinação humana do que Ventobravo’
A cidade foi reconstruída, sendo uma das maravilhas da engenharia humana. Leva o nome de Ventobravo devido as repentinas rajadas de ar que vem das montanhas ao redor da grande cidade.

A Primeira Guerra e a Reconstrução de Ventobravo

Ventobravo tem sido tradicionalmente a base principal dos seres humanos de Azeroth. Durante a Primeira Guerra, a cidade foi invadida pelos orcs da Horda de Draenor, que provocaram o exílio dos habitantes de Ventobravo, sendo estes guiados por Sir Anduin Lothar até o reino de Lordaeron.

Após a guerra, a cidade foi reconquistada e reconstruída sob o nome de Nova Ventobravo, porém com o tempo, voltou a ser chamada com o nome original. A cidade foi fortificada ainda mais para evitar que a história se repetisse. O comércio voltou a crescer, assim recuperando a população e alcançando 200.000 habitantes, o que torna Ventobravo a atual cidade mais populosa de Azeroth.

Distúrbios Políticos

Enquanto Ventobravo possuía abundantes recursos e forças para a guerra, foi acusada principalmente por seus problemas internos. Um desacordo entre a Guilda do Avanel e a Casa dos Nobres desencadeou violentas discussões dentro da cidade. O caos acabou com a vida da rainha Tiffin Wrynn, que foi assassinada. A Guilda do Avanel se transformou em uma organização terrorista conhecida como Irmandade Defias, que disseminou o terror e a destruição nas terras adjacentes.

Stormwind | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore
O Rei Varian Wrynn, devastado pela morte de sua esposa, caiu em uma grande depressão. Lady Katrana Prestor aproveitou-se da situação e mediante bruxaria, manipulou o reino nos anos vindouros. Com o tempo, o Rei Varian Wrynn recuperou-se da depressão e sua influência política na cidade de Ventobravo retornou, sendo seu filho, o Príncipe Anduin Wrynn, sua maior inspiração.

Os acontecimentos recentes deram lugar a um eventual regresso do Rei Varian Wrynn a sua pátria e ao seu trono, depois que este foi sequestrado pela Irmandade Defias e se descobriu a verdadeira identidade de Lady Katrana Prestor: Onyxia. Durante todo esse tempo sequestrado, Varian Wrynn perdeu a memória e foi treinado como gladiador por um membro da Horda em Kalimdor. Em sua ausência, seu filho Anduin Wrynn governou temporariamente, mas devido a sua tenra idade, o Grão-Lorde Bolvar Fordragon foi nomeado regente de Ventobravo, até que o Rei Varian retornasse.

Junto de Bolvar, o menino Anduin ajudou a trazer ordem para a cidade. Varian lutou para voltar a liberdade, tornando-se conhecido como “Lo’Gosh” nas batalhas. Com a ajuda de seus companheiros, ele recuperou sua verdadeira identidade, e retornou a sua terra natal, Ventobravo, acabando com Lady Prestor. Após seu retorno, ele restaurou a ordem na região e acabou com a rebelião Defias.

A Invasão do Flagelo em Ventobravo

Stormwind | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore
Tempos depois, o Porto de Ventobravo foi atacado pelo Flagelo e o Rei Varian Wrynn fundou a Expedição Valentia, para que esta colocasse fim a ameaça do Lich Rei. A Horda e a Aliança lançaram suas respectivas campanhas em Nortúndria e os esforços resultaram na derrota do Lich Rei. Com o comando do Rei Varian Wrynn, os humanos levaram a Aliança à vitória em Nortúndria.

Ventobravo após a Queda do Lich Rei

Uma série de eventos “balançaram” Ventobravo após a morte do Lich Rei. O Pesadelo Esmeralda invadiu Azeroth e Ventobravo. Vários cidadãos foram afetados pelo ‘Pesadelo’, porém alguns como Varian não sofreram nenhum efeito. O Rei de Ventobravo liderou um exército que lutou contra o Pesadelo no Sonho Esmeralda. Depois da vitória, a cidade começou a ser reconstruída por decorrência do caos causado durante a ‘Guerra do Pesadelo’. Mais tarde, se realizou em Ventobravo uma grande cerimônia em honra aos heróis caídos durante a guerra contra o Lich Rei.

Ventobravo na Expansão Cataclysm

A capital sofreu as catastróficas consequências do regresso de Asa da Morte. Após o ataque do aspecto, os guardas de Ventobravo acreditaram que o dragão seria capaz de destruir toda a cidade, se ele assim desejasse. Embora a cidade estivesse danificada, os distritos não foram destruídos.

População e Cultura – Reino de Ventobravo

Stormwind | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Ventobravo é a joia da coroa da Aliança em Azeroth. Um símbolo que já passou por três guerras, e cuja defesa tem sido o elemento-chave na moral das tropas. Devido a sua localização e sua história, tem atraído muitas raças de áreas próximas e de áreas distantes. Sua população cosmopolita consiste em Anões, Elfos Noturnos, Gnomos e várias outras raças da Aliança. A maioria reside dentro dos muros de Ventobravo, e os impostos cobrados são utilizados para financiar gastos militares e da corte. A grande quantidade de artesãos que moram na cidade causou o florescimento da burguesia, que se uniu as diferentes organizações militares que existem na capital Ventobravo.

Apesar de ser eminentemente humana, Ventobravo conta com a presença de outras raças, e suas tradições são respeitadas pelos humanos. Na Catedral de Ventobravo, todas as tardes, acompanhada dos sinos da Catedral, uma doce melodia é tocada em honra aos Elfos Noturnos.

Os anões, que possuem o seu próprio distrito em Ventobravo, podem beber cerveja grátis no dia em que é celebrado o nascimento do herói Anvil Stormglaive, e também, podem participar juntamente com os humanos dos atos de celebração por decorrência da vitória da Aliança na Terceira Guerra.

Os habitantes de Ventobravo participam dos atos culturais vestidos com suas melhores roupas: largas túnicas, calças onduladas, botas de couro e até mesmo, grandes chapéus. Fora de Ventobravo, a população é modesta, e se vestem de maneira casual, aproveitando a temperatura.

Stormwind | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

A nobreza tem grande poder e é acostumada a manipular os demais com sua influência, enquanto secretamente vivem em pecado. Os sacerdotes da Luz Sagrada tornaram-se mais políticos do que religiosos, querendo influenciar diretamente nas decisões do Rei Varian Wrynn. O exército, por sua parte, permanece incorrupto e em contato com as preocupações dos habitantes de Ventobravo.

Rejeitar os poderes das trevas são pré-requisitos para viver em Ventobravo. Se descoberto alguma ligação com as trevas, o sujeito será julgado, tendo como pena, ser exilado ou até mesmo, enforcado.

Muitos dos cidadãos de Ventobravo acreditam e possuem fé na Luz Sagrada. A religião está intimamente ligada ao governo, e a igreja tem um grande peso político para impactar diretamente as ações que o Rei Varian Wrynn decide tomar. Os criminosos que foram presos pelos guardas permanecem nas masmorras da cidade, onde se encontram bandidos de todos os tipos, mas estes são incapazes de escapar, pois estão presos em uma grande torre subterrânea, rodeada de água.

Personagens Importantes – Reino de Ventobravo

varian
O Rei Varian Wrynn governa do seu trono no Castelo de Ventobravo, com seu filho, o Príncipe Anduin Wrynn ao seu lado. O Grão-Lorde Bolvar Fordragon, antigo regente de Ventobravo, foi enviado para Nortúndria, no objetivo de comandar as forças da Aliança, e o destino revelou que ele seria o novo Lich Rei. O Grande-Almirante Jes-Tereth é o oficial encarregado da frota do reino. Na Catedral da Luz, o Arcebispo Benedictus preside o clero da Luz até sua traição e a descoberta de sua verdadeira identidade. No Vale dos Heróis, o General Jonathan Marcus, que permanece vigilante em seu cavalo, ladeado por seus oficiais. Outras pessoas famosas incluem o Grão-Feiticeiro Andromath, responsável pelos feiticeiros de Ventobravo e o Mestre Mathias Shaw, líder da AVIN.

What's your reaction?
Feliz
100%
Resenha dos Livros
Lore dos Personagens
Nathanos Blightcaller | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Nathanos Marris, o Blightcaller

Lâminas de Ébano | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

A Linhagem Fordragon

Dranosh Saurfang | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

E se o Bolvar Fordragon nunca se tornasse o Lich King?

Draeneis e Naarus | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Os Mistérios dos Draeneis e Naarus

Brigitte Abbendis | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Alta General Brigitte Abbendis

Draeneis Forjados na Luz | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Draeneis Forjados na Luz

Dranosh Saurfang | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

E se Dranosh Saurfang não Tivesse Morrido?

Proudmore | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Quem são os Proudmoores?

Curvas da Linha do Tempo de Crona

As Curvas da Linha do Tempo de Crona

Balnazzar | World of WarCraft, WarCraft, wow, azeroth, lore

Balnazzar

Translate »
%d blogueiros gostam disto: